Foi sancionada a lei que endurece a pena para torcidas organizadas que promoverem atos violentos. Passou de três para cinco anos a punição que impede os grupos de participarem de eventos esportivos. O procurador da Procuradoria Distrital dos Direitos do Cidadão (PDDC), José Eduardo Sabo, disse ser a favor a mudança na lei, já que existem diversas dificuldades para coibir atos violentos praticados pelas torcidas organizadas.

Fonte: Senado Federal

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.