O Senado aprovou uma proposta (PL 549/2019) que amplia a proteção oferecida às mulheres em eventos esportivos. A decisão foi tomada pela Comissão de Educação (CE) de forma terminativa na última terça-feira (5) e agora será analisada pela Câmara dos Deputados. A autora do projeto, senadora Leila Barros (PSB-DF), ex-atleta olímpica, relatou que insultos às jogadoras e ao público feminino ainda são, infelizmente, comuns. O relator do projeto, senador Flávio Arns (Rede-PR), entende que a proposta, que altera o Estatuto do Torcedor (Lei 10.671, de 2003), pode levar a um ambiente mais respeitoso com relação às mulheres em estádios e demais arenas esportivas. A reportagem é de Marcella Cunha, da Rádio Senado. Ouça o áudio com mais informações.

Fonte: Senado Federal

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.