O Spotify está lançando hoje um app com conteúdos voltados para crianças, o Spotify Kids. Segundo a empresa, o objetivo da segmentação é proporcionar um espaço seguro para os pequenos consumirem música e playlists especiais, além de possibilitar que os algoritmos dos pais não sejam mais alterados pelas músicas dos filhos.

O aplicativo inclui cerca de 6 mil músicas, todas com curadoria de editores do Spotify. Os pais podem configurar o app para “crianças mais novas”, com materiais limitados a trilhas sonoras da Disney e histórias infantis, por exemplo. Se a configuração for para “crianças mais velhas”, a plataforma adicionará hits de artistas Pop como Taylor Swift, Ariana Grande e Bruno Mars.

Segundo o Spotify, a curadoria leva em consideração outros aspectos além da linguagem obscena para determinar se uma uma música é adequada ou não para entrar no app. Conteúdos como referências a armas e violência, por exemplo, também são desqualificantes.

O Spotify também criou uma política de privacidade separada, que diz ser compatível com a lei americana de privacidade online para crianças. Com isso, o aplicativo não coleta dados de localização (as restrições de região se baseiam na configuração da conta dos pais) e os pais podem excluir os dados associados à conta de uma criança a qualquer momento.

O Spotify salva apenas dados relacionados às músicas que a criança gosta, e afirma que os dados não serão vendidos nem compartilhados com terceiros para fins de publicidade.

Por enquanto, o Spotify Kids está disponível para download apenas na Irlanda, para os dispositivos Android e iOS. Essa ainda é uma versão beta da plataforma, que será lançada em mais mercados e breve. Vale ressalta que o app requer uma assinatura Premium Spotify Family.

Fonte: B9

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.