Jornalista é o mais novo contratado da Central Brasileira de Notícias. Guga Chacra chega à CBN como substituto de Lourival Sant’Anna, que trocou a emissora de rádio pelo projeto CNN Brasil

A relação profissional de Guga Chacra com o Grupo Globo ganhou extensão desde o último fim de semana. Na manhã de sábado, 19, ele fez a sua estreia em mais um projeto da CBN. O jornalista participou do programa ‘O Mundo em Meia Hora’, que é transmitido semanalmente, das 9h às 9h30. Nas próximas edições, o comunicador baseado seguirá como comentarista fixo da atração, que é apresentada por Roberto Nonato.

Leia mais:

Em ‘O Mundo em Meia Hora’, Guga Chacra chega para substituir Lourival Sant’Anna. O antecessor deixou a CBN após ser contratado pela CNN Brasil. Ele foi anunciado como o primeiro comentarista da futura emissora de notícias da TV por assinatura do país. Com a decisão, deixou a emissora de rádio mantida pelo Grupo Globo no início do mês. O profissional que deixou o veículo também aparecia no boletim ‘CBN Internacional’. O quadro segue no ar com convidados esporádicos. As últimas edições foram analisadas por Pedro Doria e Helio Gurovitz.

A presença de Guga Chacra em ‘O Mundo em Meia Hora’ só reforça a parceria dele como Roberto Nonato. Os dois já conversam às terças, com o ‘Rodada das 6’, levado ao ar pelo ‘Jornal da CBN – 2ª Edição’. O noticiário noturno é apresentado por Nonato em parceria com Rosana Jatobá.  Além de marcar presença na CBN, Guga Chacra é colunista do jornal O Globo e comentarista da GloboNews (também faz participações como correspondente em telejornais da TV Globo).

Mestre do Jornalismo?

Com novidades profissionais, Guga Chacra pode entrar para a seleta galeria de ‘Mestres do Jornalismo’ em 2019. A honraria é concedia a quem vence uma mesma divisão do Prêmio Comunique-se por cinco vezes de forma alternada ou três vezes consecutivas — que é o que pode vir a ocorrer com o jornalista. Ele conquistou a subcategoria ‘Correspondente Internacional – Brasileiro no Exterior em Mídia Escrita’ em 2015 e 2017 (o vencedor não concorre no ano seguinte). Agora, com essa parte da disputa sendo rebatizada de ‘Repórter Internacional’, ele é finalista ao lado de Cecília Malan e Ilze Scamparini.

Fonte: Comunique-se

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.