Com investimento de R$ 9 milhões, a obra foi concluída na última sexta-feira (20)

 

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, entregou, nesta quarta-feira (25), a obra de reforma da pista principal do Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro (RJ). A cerimônia, precedida por visita de inspeção à pista, teve a presença do presidente da Infraero, Brigadeiro Hélio Paes de Barros.

Com investimento de R$ 9 milhões, as obras na pista principal do Santos Dumont tiveram início em 24 de agosto e foram concluídas na última sexta-feira (20). As melhorias estão de acordo com os requisitos regulatórios demandados pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), oferecendo melhora no contato entre os pneus das aeronaves com a pista molhada ou seca.

Durante visita de inspeção à pista, ministro elogiou o trabalho realizado. “Parabéns à @Infraero. Conseguiu fazer o serviço sem fechar o aeroporto e com o tempo muito menor do que o prazo estabelecido. Os 75 dias previstos inicialmente se tornaram apenas 28. A segurança do usuário está garantida, o que é mais importante”, destacou o ministro.

TECNOLOGIA – Os trabalhos foram concluídos dentro do prazo e executados em menos de um mês, com a restauração de toda a pista, que mede 1.323m x 42m. A última vez que a pista do aeroporto passou por manutenção semelhante foi em 2009. À época, o Santos Dumont seguiu operando normalmente, também por meio da pista auxiliar. A expectativa é de que a pista recuperada dure em torno de dez anos, até a necessidade de nova manutenção.

O fechamento da pista principal, entre agosto e setembro, foi necessário devido à complexidade da tecnologia aplicada ao pavimento: a camada porosa de atrito não permite emendas e, por isso, inviabiliza a realização dos trabalhos em períodos intercalados. As equipes de trabalho atuaram 24 horas, sete dias por semana, para recuperação das camadas estrutural e porosa de atrito. Enquanto a pista principal esteve em obras, a auxiliar recebeu adequações, ficando disponível para que as companhias aéreas pudessem manter suas operações, sem afetar de forma significativa o funcionamento do aeroporto.

Infográfico Obras Santos Dumont Infraero

 

Fotos Alberto Ruy

Assessoria Especial de Comunicação

Ministério da Infraestrutura

Fonte: Governo Federal

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.