O Sistema Único de Saúde (SUS) será obrigado a divulgar anualmente os repasses que fizer à rede privada de saúde, que complementa as ações do sistema. É o que determina o projeto de lei (PLS 412/2018), de autoria do ex-senador Airton Sandoval, aprovado na Comissão de Assuntos Sociais (CAS) nesta quarta-feira (11). O relator da proposta, senador Otto Alencar (PSD-BA), confia que a medida vai dar mais transparência sobre a remuneração dos serviços particulares de saúde pelo SUS. Caso não haja recurso em Plenário à decisão da CAS, o projeto estará pronto para seguir para a Câmara dos Deputados. A reportagem é de Iara Farias Borges, da Rádio Senado. Ouça o áudio com mais informações.

Fonte: Senado Federal

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.