O vice-presidente da Comissão Especial da Criança e do Adolescente da OAB Nacional, Anderson Rodrigues Ferreira, participou da abertura do III Congresso Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente da OAB, em Cuiabá. A solenidade aconteceu nesta quinta-feira (18) e reuniu advogados, estudantes e representantes das entidades que compõem a rede de proteção da infância e juventude.

“Esse evento surgiu de uma reunião entre oito presidentes de comissões da criança e do adolescente nas seccionais, todos com o sonho de trabalhar o tema em rede dentro do Sistema OAB. Todo advogado e advogada jura defender os direitos humanos. E nesses tempos difíceis em que vivemos, nos quais a própria Conferência Nacional de Direitos da Criança e do Adolescente está ameaçada de acontecer, é necessário estar sempre vigilantes para não aceitar retrocesso. A OAB jamais foi tão atacada, mas também nunca estivemos tão unidos e fortes”, apontou.

Presidente da OAB-MT, Leonardo Campos lembrou o quão caro e sensível é o tema do congresso e a importância de promover uma discussão envolvendo todas as seccionais. “Este congresso não é da OAB-MT, é de todas as seccionais, de todas as comissões da infância e juventude do Brasil. Vivemos um momento de muita divisão, entre nós e eles. Precisamos de mais encontro e menos confronto, ultrapassar e virar a página dos interesses políticos e partidários e pensarmos nos interesses da nação brasileira”, reforçou.

Tatiane de Barros Ramalho, presidente da Comissão da Infância e Juventude da OAB-MT, expressou gratidão pela realização do evento em Cuiabá. Em tom de apelo, pediu a continuidade da luta. “Que a nossa voz não se cale”, conclamou.

Também compuseram o dispositivo de honra de abertura do Congresso a advogada fundadora do Instituto Brasileiro de Direito de Família (IBDFAM), Maria Berenice Dias; a secretária de Estado de Assistência Social e Cidadania dE Mato Grosso, Rosamaria Ferreira Carvalho; a desembargadora do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, Maria Erotides Kneip Baranjak; o defensor público-geral de Mato Grosso, Clodoaldo Aparecido Gonçalves de Queiroz; e o prefeito de Sorriso (MT), Ari Lafin.

Com informações da Assessoria de Imprensa da OAB-MT

Fonte: OAB

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.