Prêmio passa a ter duas categorias – e não mais três como era até o ano passado -, mas o valor total em prêmios permanece o mesmo: R$ 400 mil

Franklin Carvalho, Maria Valéria Rezende e Maurício de Almeida foram os vencedores da última edição do Prêmio SP de Literatura | Divulgação

Na sua 12ª edição, o Prêmio São Paulo de Literatura passou por modificações na sua estrutura. Se antes eram reconhecidas obras literárias em três categorias (Melhor Livro de Romance do Ano; Autor Estreante com mais de 40 anos e Autor Estreantes com menos de 40 anos), agora, são só duas: Melhor Romance de Ficção do Ano de 2018 e Melhor Romance de Ficção de Estreia do Ano de 2018. Os ganhadores de cada uma das categorias levarão para casa R$ 200 mil, não alterando o valor total de prêmios concedidos, já que nas edições passadas, os autores estreantes faturavam R$ 100 mil cada. Criado em 2008, o Prêmio São Paulo de Literatura tem como objetivo estimular a produção literária de qualidade, valorizar o setor e favorecer a formação de leitores e escritores, reconhecendo grandes nomes e também novos talentos. As obras devem ser do gênero romance de ficção, escritas originalmente em português e ter sua primeira edição e impressão no Brasil em 2018, além de possuir formato impresso e ISBN. Os candidatos podem inscrever suas obras até 15 de agosto. Os finalistas serão anunciados na primeira quinzena de outubro, e os vencedores serão premiados em novembro. O edital está disponível nos sites do Prêmio e da Cultura do Estado de São Paulo.

Fonte: Publish News

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.