Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa do Senado (CDH) debateu o PL 1.615/2019, do senador Rogério Carvalho (PT-SE), que assegura às pessoas com visão monocular os mesmos direitos das pessoas com deficiência. “Não considerar como deficiente é discriminar, do ponto de vista da exclusão”, argumentou Carvalho, que tem visão monocular. A proposta, porém, causou polêmica na comissão. O relator do projeto é o senador Flávio Arns (Rede-PR). A reportagem é de Marcela Diniz, da Rádio Senado. Ouça o áudio com os detalhes.

Fonte: Senado Federal

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.