A Amazon tem usado a Índia nos últimos tempos para conduzir alguns experimentos de mercado bem inusitados em seu site, como permitir que o público indiano pague suas contas de celular ou pegar dinheiro emprestado da empresa dentro da plataforma. A mais recente novidade, porém, se distancia um pouco dos serviços financeiros e abre uma nova seção na loja da marca, a venda de passagens aéreas.

Disponível tanto nas versões desktop e mobile, a nova aba do site é fruto de uma parceria que a Amazon firmou recentemente com a Cleartrip, uma agência de viagens local que junto da empresa concebeu uma opção de reserva de passagens dentro do Amazon Pay, seu serviço de pagamentos. O Amazon Pay inclusive vem sendo a principal aposta da companhia na Índia: desde seu lançamento em 2016, a plataforma vem ganhando cada vez mais funções, incluindo o pagamento de contas de luz e eletricidade e a possibilidade de fazer transferências monetárias no app para Android – há planos inclusive de permitir que usuários peça comida através do serviço, de acordo com os jornais indianos.

É uma medida que segue a atual tendência do mercado indiano, que tem adotado cada vez mais os “super apps”, verdadeiras aglutinações de aplicativos em uma única plataforma. Isso inclui a Paytm, um app de “carteira virtual” que nos últimos anos passou a contar com outras funções financeiras, incluindo um cartão de crédito e é hoje uma das principais rivais da Amazon no país.

A exemplo da introdução de outros segmentos do Amazon Pay, a seção de viagens de avião busca atrair o público nacional com a oportunidade de até duas mil rupias indianas (o que dá algo em torno de 117 reais) de cashback dentro do site na primeira compra de passagens aéreas dentro da plataforma.

Fonte: B9

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.