O Plenário da Câmara dos Deputados analisa neste momento o Projeto de Lei 17/19, do deputado Alessandro Molon (PSB-RJ) e outros, que determina ao juiz do caso de violência contra a mulher ordenar a apreensão de arma de fogo eventualmente registrada em nome do agressor. A intenção é prevenir o uso dessa arma contra a mulher agredida.

A deputada Christiane de Souza Yared (PR-PR) relata a matéria.

Mais informações a seguir

Fonte: Câmara dos Deputados

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.