Médicos brasileiros formados no exterior já selecionaram os municípios e preencheram as 1,4 mil vagas de trabalho disponíveis no programa Mais Médicos. O Ministério da Saúde divulgou, nesta quarta-feira (13), a relação dos locais com vagas remanescentes para a segunda fase, que foram todas ocupadas antes das 9h.

Os postos disponibilizados faziam parte da primeira etapa do Edital nº 22/2018 do programa. O prazo para a candidatura terminaria, inicialmente, na próxima quinta-feira (14). O próximo passo será a divulgação, pelo Ministério da Saúde, da lista completa dos profissionais alocados em cada município. O resultado sai na próxima terça-feira (19).

De acordo com a Portaria nº20/2019, todos os profissionais alocados nesta etapa, que não tiverem o Registro do Ministério da Saúde (RMS), realizarão um módulo de acolhimento, no qual terão aulas e passarão por avaliação da coordenação nacional do programa.

Todas as mais de 8,5 mil vagas do atual edital do programa Mais Médicos, que ficaram abertas após o fim da cooperação com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), foram preenchidas por profissionais brasileiros. “Com isso, não deve haver chamada para profissionais de outros países para este edital de reposição”, informa o Ministério Saúde.

Fonte: Governo do Brasil, com informações do Diário Oficial da União e do Ministério da Saúde

 

Fonte: Governo Federal

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.