O ilustrador Roger Mello preside o júri do Concurso Nami, referência mundial quando o assunto é livros ilustrados. Os brasileiros Guilherme Karsten e Daniel Cabral estão no páreo.

Roger Mello preside o júri do Concurso Nami, na Coreia do Sul | © Divulgação

Depois de inaugurar o Instituto de Leitura Quindim, em Caxias do Sul (RS), o ilustrador Roger Mello embarcou para a Coreia do Sul, onde participa, como presidente, do júri do Concurso Nami. Realizado pela Ilha de Nami, o concurso tem como principais objetivos incentivar o time de jurados vão analisar 106 obras que compõem a lista de finalistas ao concurso. São artistas vindos de 42 países, incluindo o Brasil representado por Guilherme Karsten e Daniel Cabral. Os vencedores que farão parte do catálogo serão anunciados em janeiro. O primeiro colocado leva para casa prêmio no valor de US$ 10 mil. Serão ainda escolhidos dois profissionais que receberão o Golden Island, que levarão para casa US$ 5 mil, e cinco que receberão o Green Island, com prêmio de US$ 2 mil. Outros dez profissionais receberão o Purple Island e levarão para casa certificado e placa. Todos os ganhadores farão parte do catálogo que é referência na promoção internacional dos livros ilustrados. Confira aqui a lista completa de finalistas.

Fonte: Publish News

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.