Crédito: Divulgação

Congresso esgota ingressos e faz sucesso ao apresentar soluções para driblar as incertezas geradas pela reforma trabalhista

Na última sexta-feira, 23 de novembro, o Maksoud Plaza Hotel sediou o SindiMais 2018 que, já em sua primeira edição, é considerado um dos maiores eventos direcionados ao setor sindical no Brasil. A abertura teve a ilustre presença do governador de São Paulo, Márcio França, e do deputado federal Paulinho da Força. França enalteceu a importância da iniciativa: “Neste momento de transição de governos, é preciso que haja uma organização que proteja os principais direitos das pessoas que trabalham. A solução é encontrar instituições que façam isto, sem pensar no lado político-partidário”.

Paulinho da Força, que tem suas origens ligadas ao movimento sindical, ressaltou que o país passa por momentos muito difíceis e o sindicalismo, diante disto, precisa retornar às origens e ser repensado. “Tenho certeza que o movimento sindical sairá desse seminário, com muito mais ideias”, afirmou o deputado.

O evento contou com mais de 400 participantes, tanto do setor público quanto privado, que lotaram o auditório e participaram ativamente durante as mais de dez horas de duração do evento. O número reflete o sucesso deste congresso, que promoveu as discussões sobre as mudanças na atuação sindical e na legislação trabalhista.

Mesmo após um ano completo da implementação da Lei 13.467/17, que sancionou a Reforma Trabalhista, o cenário ainda é incerto e muitos questionamentos permanecem, tanto para os empresários quanto para os trabalhadores. Para esclarecer dúvidas, apresentar soluções, expandir horizontes e expor diferentes pontos de vista, o SindiMais 2018 contou com 11 palestrantes, que representaram os segmentos laboral e patronal.

Paulo Ritz, idealizador do SindiMais, comemorou o sucesso inaugural. “Uma ótima oportunidade de diálogo para ouvirmos todos os lados e encontrarmos alternativas para este novo momento que o país está vivendo. Muito obrigado pela presença e pela participação de todos. A segunda edição promete ser ainda melhor”, assegurou Ritz.

Para Juliana Vilela, diretora da Efettiva Comunicação e Eventos e, também, organizadora do evento, promover e organizar o congresso foi um grande desafio e uma enorme satisfação: “Os objetivos traçados foram amplamente alcançados, gerando resultados. Contamos com a participação de renomados palestrantes, que apresentaram conteúdos de alto nível. Além disso, patrocinadores e expositores do evento puderam não apenas consolidar suas marcas, como também gerar negócios junto a um público com poder de decisão”.

O SindiMais teve os seguintes patrocínio/expositor: São Cristóvão Saúde, Columbia Limpeza e Higiene, Idaplast, Benefício Social Familiar, Sindicato Nacional dos Aposentados, Brasilata, CMS (Centro de Memória Sindical), DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos) e Ticket/Enred, sendo que seus apoiadores foram: Central Consult, DKP Seguros, Gmedia, EscaEsco Comunicação e FatorP. Já os apoios institucionais foram ANATERC (Associação Nacional dos Trabalhadores em Refeições Coletivas), CAPIH (Comissão dos Administradores de Pessoal da Indústria Hoteleira), CEDP (Centro de Estudos de Direito Público), CSB (Central dos Sindicatos Brasileiros), FETERCESP (Federação dos Trabalhadores em Empresas de Refeições Coletivas), Força Sindical, Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes, Sindicato dos Borracheiros da Grande São Paulo e Região, Sindpd (Sindicato dos Trabalhadores em Processamento de Dados e Tecnologia da Informação do Estado de São Paulo), Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Piracicaba e Região, Sindicato dos Trabalhadores em Refeições de Campinas e Região e União Geral dos Trabalhadores.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.