A Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) aprovou em 2017 propostas que beneficiam crianças, idosos e pessoas com deficiência. O PLS 504/2015, da então senadora Sandra Braga, estabelece novo valor à pensão especial devida aos portadores da Síndrome de Talidomida. A proposta foi aprovada pelo Senado e remetida à Câmara dos Deputados. A CDH aprovou ainda o PLS 468/2016 que estipula medidas urgentes de proteção aos idosos vítimas de violência doméstica e o PLC 56/2016, proveniente da Câmara dos Deputados, que institui a Política Nacional para Doenças Raras. A reportagem é de Ana Beatriz Santos, da Rádio Senado.

Fonte: Senado Federal

Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Central da Pauta.